Caso ou Compro uma Bicicleta?

Casar ou Comprar uma Bicicleta eis a questão. Na verdade eu não posso responder isso com convicção, mas se eu pudesse dar um conselho eu diria: case E compre uma bicicleta. Até mesmo porque muitos depois de se casarem acabam engordando e andar de bicicleta é um ótimo exercício físico, que tem como benefícios tônus muscular, mente sã, controle de peso e aumento da resistência. E depois de casado é necessário continuar causando admiração no parceiro, sem essa de relaxar com a aparência. A verdade é que você precisa continuar fazendo tudo o que fez para conquistar seu cônjuge no início.

O casamento também tem suas vantagens como: ter um amigo com quem conversar, uma companhia no almoço ou no jantar; alguém para ir ao cinema, viajar e até desabafar nos dias mais turbulentos. Alguém para te abraçar no frio e ajudar a lavar a louça. Alguém para compartilhar todos os momentos.

Comprar uma bicicleta é muito mais simples do que casar-se com alguém. A bicicleta seja ela qual for vai te levar a algum lugar, o parceiro às vezes não. E a bicicleta você pode guiar para onde quiser, mas o parceiro às vezes não. As pessoas são diferentes e conviver com uma pessoa diferente de você gera muitas divergências, mas é totalmente possível carregar um casamento até o fim. Quando ambos tem o mesmo objetivo, eles vão andar juntos, do contrário cada um penderá para um lado.

Hoje, casada, compreendo perfeitamente o que significa ter a paciência de Jó e creio que meu esposo tem o mesmo sentimento, pois da mesma forma que eu me esforço de um lado, ele se esforça de outro. Porque o casamento é um compromisso entre duas pessoas que precisam estar em concordância no mesmo propósito de vida. Não pense que você irá mudar uma pessoa dentro de um casamento; é possível que a pessoa mude, mas vai depender apenas dela querer.

Segundo a palavra de Deus: “O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta”. 1 Coríntios 13:4-7

Mas o que isso significa? Significa que se eu apanhar do meu cônjuge devo aceitar? Não! Mas significa que se meu cônjuge deixa uma toalha molhada em cima da cama eu agirei com misericórdia sabendo que eu não deixo a toalha na cama, mas eu posso estar falhando em outra coisa, que por exemplo ele não faz. A verdade é que você pode trocar de parceiros inúmeras vezes e descobrir que nenhum é perfeito. Por isso, no determinado momento em que você assume um compromisso de casamento, certifique-se antes de conhecer profundamente com quem está se casando, pois pessoas de palavra honram seus compromissos.

Na teoria é fácil falar né, quero ver na prática. Na prática queridos é ainda mais simples, pois são os dois olhando para Jesus e por amor a Ele se esforçando para que tudo dê certo, porque com Jesus no centro dá certo mesmo.

E no final você descobrirá que tanto para levar um casamento quanto para levar uma bicicleta você precisará de equilíbrio!

Por hoje é só pessoal. XOXO!!!

 

 

 

 

 

 

4 comentários

  1. Uau que maravilhoso esse texto , foi inspirada pelo Espírito Santo… No meu caso, ainda não sei andar de bicicleta , então pra resolver o problema, eu casarei e marido me ensina a pedalar kkkkk.

    Curtir

Deixe uma resposta para Luciana Colombo Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s